loggado
Carregando...

[Review] The Flash 1x23 - Fast Enough (Season Finale)

“ E um dia eu vou encontrar quem matou a minha mãe e trazer justiça para o meu pai.  Esse dia ...


E um dia eu vou encontrar quem matou a minha mãe
e trazer justiça para o meu pai. Esse dia é hoje.

Intensidade é a palavra para definir esse season finale de The Flash. Com momentos e cenas carregadas de emoção, os 40 minutos finais da ótima primeira temporada mostraram a força do personagem e ao mesmo tempo o quão fiel uma adaptação de quadrinhos pode ser.

Se durante os 22 primeiros episódios vimos como Barry tem a força e a coragem suficientes para ser um super herói devido ao seu passado conturbado e em como ele usa a morte da mãe para seguir em frente, em Fast Enough ele tem a chance de rever tudo isso. Voltar ao passado e impedir que Eobard matasse a sua mãe, como ficou claro no episódio, afetaria todos ao seu redor, e a carga emocional que veio com as despedidas foi bem grande. Vale a pena exaltar aqui a atuação de Grant Gustin, que passou todo o episódio mostrando muito bem as emoções que precisava.

Em relação ao roteiro, minha única crítica foi o casamento de Caitlin e Ronnie. A cena foi bonita, mas não combinou com o clima do episódio, e me deu a impressão de que foi apenas pra aliviar a tensão. Não acho que funcionou tão bem da maneira como foi colocada. Se fosse no início do episódio acredito que teria mais sentido.

Deixando de lado toda a discussão sobre Barry voltar ou não no tempo, chegamos no momento em que ele finalmente resolve fazer isso. Em primeiro lugar, a cena em que ele acessa a força de aceleração pela primeira vez foi impecável. Todos, absolutamente todos, os easter-eggs colocados ali me levaram a loucura, desde Caitlin como Nevasca até o Museu do Flash, tudo me deixou de queixo caído. Além disso, tivemos o bônus de Legends of Tomorrow, já mostrando que provavelmente veremos os acontecimentos que vão levar a nova série da CW na próxima temporada.

Ao retornar para o passado e ser impedido por si mesmo [?] de salvar a própria mãe, a cena da despedida entre Barry e Nora foi pra derrubar de vez aquelas lágrimas que seguramos o episódio todo. Não esperava ver uma cena tão forte como aquela, acreditei que não mostrariam algo do tipo, e fui surpreendido de uma maneira tão emocionante que não há como não exaltar o que foi, sem dúvidas, a melhor cena da temporada.

De volta ao presente, chegamos ao momento confuso das consequências de uma viagem no tempo. Após uma (pequena) luta entre Barry e Wells, Eddie dá um tiro no próprio coração porque, como ancestral de Eobard, se ele morresse, o segundo nunca nasceria. Vi vários comentários sobre como isso afetaria, mas o que entendo da mitologia de viagem no tempo dos quadrinhos do Flash, nada do que aconteceu antes daquele momento vai mudar. Nora continua morta, Barry ainda é o Flash e o Henry continua preso. Porém, devido a isso, Eobard se tornou um paradoxo, e por isso deixou de existir. Posso estar errado a respeito disso, mas foi a ideia mais lógica que consegui ter a respeito dessa cena.

A cena final da temporada conseguiu ser ao mesmo tempo boa e extremamente anti-climática. Terminar uma temporada com um final daqueles é pra matar qualquer fã da série do coração, por ter que esperar meses para assistir a continuação. Flash entra no buraco de minhoca e.... não saberemos até outubro. Tirando isso, os efeitos ficaram incríveis e tivemos alguns outros easter-eggs de Legends of Tomorrow, como a aparição da Mulher-Gavião e do Capitão Frio.

Resumindo, The Flash teve a finale que todo fã pediu. Com alta quantidade de emoção, ação, referências e um cliffhanger tão bom que chega a ser estúpido, a CW nos entregou uma série digna de entrar no hall das melhores séries de super-heróis já feitas. Agora é torcer pro nível ser mantido nos próximos anos.

P.S.1: Minhas reviews retornam em outubro com a segunda temporada. Até mais!

P.S.2: Teve chapéu do Jay Garrick e eu espero que ele dê as caras na segunda temporada. Oremos.

The Flash 9112733280504766033

Postar um comentário Comentários Disqus

Página inicial item