loggado
Carregando...

[Review] Lost Girl 5x14 - Follow the Yellow Trick Road

" Are you ready to become The Master? "


"Are you ready to become The Master?"

Lost Girl não cansa de me surpreender, muito menos agora em seu final. Após entrar em choque com o ocorrido no final do último episódio, Bo encontra-se agora em um coma no qual ela é transportada para um mundo metafórico de Oz. Mais tarde descobrimos que isso foi ocasionado não apenas pelo choque das mortes de Trick e Aife, mas também pela mordida de um inseto infeccioso Fae e, claro, sobra para a Lauren descobrir a cura.

Um parênteses neste episódio de quase 3-4 meses é a barriga da Tamsin. Tínhamos acabado de ouvir os primeiros batimentos cardíacos de seu neném com tio Jack "estripador" e agora ela já está uma gestante louca para beber e cheia de hormônios. Sim, a barriga dela já está quase do tamanho da Anna, que está mais ama vez de parabéns pelo segundo filho, YAY!

No mundo preto e branco de BoBo, a cidade ficou completamente deserta. Menos por Thomasina (Tamsin), que ficou por gostar de estar sozinha e longe das pessoas. Claro que tudo não passa de uma metáfora. Thomasina diz que exite um mundo onde o mestre pode ajudar Bo a acordar do coma, então as duas vão para esse "país" e logo encontram a personificação do Dyson nele, que é um tenente covarde que abandonou seu pelotão, lembrando assim o leão de Oz.

Tudo começa a ficar colorido nesse mundo quando Bo e Thomasina andam pelo caminho das pedras, que aqui são vermelhas, e mais para o final dessa jornada elas encontram um guia que sabe onde achar o mestre. Sendo metaforicamente representado por Lola, vimos uma Lauren beeem alternativa e cheia dos dreads que eu ameeei de paixão por também ser bem engraçada. Todos nós, assim como a Bo, pensávamos ser o Trick o tal mestre que a acordaria do coma. Confesso que assim que o episódio começou, minhas esperanças aumentaram bastante de poder ter mais uma cena do nosso querido Blood King.

Contudo, creio que após nos ser revelado que o mestre é a própria Bo, considerei muito mais os roteiristas do que qualquer outra pessoa da produção. É óbvio que a Bo mudou depois dos últimos acontecimentos, mas agora isso é esfregado na nossa cara de uma forma bem direta: ela não é mais a mesma. Bo Dennis começou esta série perdida no mundo, sem saber sobre si mesma, e hoje ela é justamente o contrário. Como o Trick mesmo escreve em seu testamento: "não exite um caminho perdido para nos encontrarmos, existe um caminho que nós mesmos criamos." E isso, tanto para mim quanto para a BoBo, em si resume sobre tudo que essa série se trata não apenas com o amadurecimento do herói, e sim com o encontro de uma verdade própria.

Ksenia arrasa muito!

Bo então acorda do coma após uma luta com a personificação Kenzi - she's ALWAYS back! Esta que foi uma cena bastante forte e, ao mesmo tempo, nos deu respostas para o plot da temporada. Kenzi é representada como sendo o bem, mas também sendo a porta para um mal enorme - no caso o vírus que se conseguisse convencer a Bo de não acordar, ela morreria. Após aceitar a verdade de ter que voltar para o mundo real, por mais doloroso que isso fosse, Bo recebe uma mensagem de Pyrippus, o Senhor da Escuridão, ou, para resumir, o cavalo da pintura. Ele diz para Bo se lembrar que ela tem a chave para tudo, e mostra a ferradura que ela ganhou de Zee. Ou seja, ele também a ajudou contra Hades, mesmo que só dizendo isto.

Ao acordar, nossa succubu tem que enfrentar a dor de ter perdido Trick, mas ela dá de cara com todo o time reunido. De Mark à Kenzi - que voltou por saber sobre a perda do Trcikster, todos estão ali para ajudá-la. Sua família, de fato. Ela então acaba melhorando... e gente, o que foi a cena da leitura do testamento do Ash? Apenas me senti assim quando o Dumbledore morreu deixando seu legado para o Golden Trio. Fomos lembrados que o Trick era o Ash - eu particularmente não lembrava disso com tanta coisa acontecendo na série - e ele acabou por libertar a Kenzi de ser clamada por qualquer Fae. O Mark até perguntou algo de importante: já que ele se foi, o que acontecerá com a comunidade Fae agora? Até porque o Trick era ninguém menos que amado por todos do Dal e o Blood King, não apenas o Ash.

A coisa mais linda desta cena, além do sentimento comum de perda de um grande líder, foi também a irmandade que todos tiveram. Durante todo o episódio, cada um estava tendo seus momentos de olhar a Bo e demonstrar como a amam e como também se importam uns com os outros. Quem lembra que no começo da série Lauren e Dyson não se suportavam na mesma cena? E hoje são amigos. A Bo, de fato, juntou todos e os fez a sua família. Acho que o sentimento é compartilhado não apenas pelos atores e a produção como também por nós fãs, que mesmo lá no começo, estávamos perdidos naquele mundo de Faes Dark/Light e humanos.



Bem pessoal, espero que vocês tenham gostado tanto deste episódio quanto eu. E que também estejam amando a conclusão dessa história sobre a Bo. Que venham mais lágrimas nessa Series Finale!

P.S.: Jack "estripador" aparece no final do episódio deixando uma mensagem clara ao matar o Vex, MORRI. Vex que também teve sua persona ao mostrar os dois lados da moeda e escolhendo, em seu fim, a luz por ter sido aceito mesmo quando ele era visto como um sujeito Dark. R.I.P. Vex, nós te amamos sempre.

Reviews 1186925935687803555

Postar um comentário Comentários Disqus

Página inicial item