loggado
Carregando...

[Review] The Walking Dead 6x01 - First Time Again

O novo líder é contestado.


O novo líder é contestado.

The Walking Dead estreou sua sexta temporada no domingo (11/10) tanto pela AMC, nos EUA, quanto pela FOX, uma hora depois, aqui no Brasil. Com um episódio especial de uma hora de duração, a série retorna dando continuidade ao que fora visto no final do último ano, com um salto temporal curto. De qualquer forma, os eventos ocorridos durante essa passagem de tempo foram preenchidos pelo flashback em preto e branco. First Time Again apresenta uma base sólida para a construção do enredo deste novo ano, onde além de zumbis, os sobreviventes terão que lidar com conflito de ideias dentro do próprio grupo.

A chegada de Morgan parece não ter afetado muito a dinâmica atual do grupo de Rick, que segue fielmente às ordens de seu líder. Ao menos neste episódio, o foco de Morgan foi no próprio Rick, e ainda assim de maneira discreta. Os diálogos entre os dois foram muito mais pacíficos do que eu esperava. Mas é só o começo, obviamente. Entretanto, Morgan não parece estar ali para criar problemas, e sim ajudar Rick a não se tornar tão insano a ponto de não ter um caminho de volta.

O grande plot deste episódio serviu para explicar por que Alexandria permaneceu ilesa durante todo esse tempo. Apesar dos efeitos não serem lá dos mais convincentes, ver milhares de walkers reunidos ainda é impressionante. Impressionante também é a calma de Daryl para conduzir aquela "marcha dos zumbis" com tanta tranquilidade. O grande mistério, além de como os roteiristas vão lidar com dezenas de personagens, é saber quem acionou a tal buzina que estragou todo o plano bem bolado de Rick para desviar aquela multidão zumbis da rota da cidade.


A teoria que tenho é só uma. Duas, na verdade, mas prefiro a primeira, que no caso é o fato de Rick não ser uma unanimidade em Alexandria. Se pensarmos como ele chegou e rapidamente tomou o controle do local, além de se tornar o principal conselheiro de Deanna, é normal acreditar que alguém ia se opor. Reg foi só um exemplo. Ainda assim, é estranho que alguém da cidade boicotasse um plano para salvar sua própria casa, então vem a segunda opção: algum grupo rival chegou por lá, e sabemos que ele existe. Eu evitei assistir promos e trailers antes da temporada estrear justamente para preservar o fator surpresa. Acabei vendo o promo do próximo episódio, e este não deixa claro se a ameaça em Alexandria são walkers ou um outro grupo. Seja como for, a cidade está em apuros, mas eu espero que ela resista mais um pouco, pois voltar todas aquelas andanças pela floresta seria um triste retrocesso depois de um quinto ano bem conduzido.

No mais, First Time Again ainda dedicou tempo para refinar o relacionamento e convivência de alguns membros do grupo como Abraham e Sasha, Glenn e Nicholas, Maggie e Tara. Sobrou um tempo até para Rick e Jessie. Entretanto, são apenas indícios do que pode acontecer nos próximos episódios. É realmente difícil imaginar cada um deles sendo bem aproveitado na série, e mais personagens chegam a todo momento, o que deve significar algumas mortes em breve. Claro que séries com diversas personagens podem funcionar muito bem, como Game of Thrones e Mad Men, mas essas possuem diversos núcleos, o que não é o caso aqui. De qualquer forma, por ora os roteiristas parecem ter isso em mente.

Não foi uma première eletrizante igual a da temporada passada, mas foi um bom episódio com diálogos mais refinados do que estou acostumado a ver em The Walking Dead. As sementes jogadas nesta primeira hora foram muitas e como elas vão crescer deixam um ar de curiosidade pela frente. Rick não vai ter vida fácil, e fica cada vez mais claro que se a vida dele não for fácil, a de ninguém ali vai ser.

No aspecto técnico, a direção de Greg Nicotero não trouxe grandes novidades em relação a outros episódios comandados pelo diretor. A opção de flashback em preto e branco me agradou, mas essa poderia ser uma marca da série desde o começo. A questão é se será assim a partir de hoje, ou se foi algo exclusivo dessa première. O que importa em geral é que The Walking Dead voltou bem. Não o suficiente para agradar aos haters, mas o suficiente para agradar quem é fã e acompanha a série desde sempre. Resta esperar para que continue assim, mas estou deixando de ter medo do próximo episódio ser ruim. Acredito que finalmente a série conseguiu alguma estabilidade. Enfim, o que acharam deste episódio? Comentem à vontade e até a próxima!

The Walking Dead 7142982055187469764

Postar um comentário Comentários Disqus

Página inicial item