loggado
Carregando...

[Review] The Walking Dead 6x03 - Thank You

De tirar o fôlego.


De tirar o fôlego.

Hoje não vou gastar muito tempo com introduções, vamos direto ao assunto: GLENN ESTÁ MORTO - 99% de chance, gente! E RICK TEM QUE APRENDER A CORRER IGUAL AO FORREST GUMP, OU VAI TER O MESMO DESTINO! Esse episódio mostra que The Walking Dead não está para enrolação nessa temporada. É bem bacana ver também que existe uma preocupação em conectar acontecimentos passados com os atuais. As ações de Gleen ao salvar Nicholas na temporada passada custaram caro. Assim como o gesto de Morgan no episódio anterior ao deixar um dos Wolves ir embora armado. É possível ver a mão do roteiro gritando na nossa cara a mensagem: QUEM É LEGAL, SE DÁ MAL. 

A coisa tá tão tensa que eu cheguei a pensar que Michonne também fosse morrer nesse episódio, daí que eu não aguentaria. Mas vamos buscar alguma calma para entender melhor tudo o que aconteceu. Thank You já dava a entender que seria um episódio cheio de suspense antes mesmo de ir ao ar, graças a polêmica situação da mão de Rick, mas já chego nisso. A primeira parte deu a entender que muitos morreriam devido a falha no plano, mas que seriam apenas os pobres cidadãos de Alexandria. Rick, cada vez mais pragmático, previu que alguns ali não teriam chance, tanto é que só dois ainda - e coloco bastante ênfase nesse "ainda" - estão vivos.

Sitiados em uma situação de risco, o grupo se divide, e Gleen com "ajuda" de Nicholas tentou fazer algo para que todos saíssem dali. Mas a sorte do antigo entregador de pizzas acabou. Gleen tentou transformar Nicholas em alguém melhor, e pode até ter conseguido isso, mas não houve muito êxito no final das contas. Gleen sucumbe junto a ele, numa cena quase poética, se não fosse tão chocante. Existe a possibilidade de Gleen estar vivo, como li em alguns lugares, mas isso seria um grande erro dos roteiristas, pois a sequência de sua morte foi uma das melhores da série até aqui. Além de resgatar a sensação de que ninguém está seguro. Imaginem quando chegar a hora de Carol? De Daryl? Pois sim, essa hora vai chegar algum dia. 

Enquanto isso, Rick está em situação crítica também. Quanto a mão dele: se fosse uma mordida o foco no ferimento seria totalmente diferente do que foi. O problema agora se encontra no fato dele estar no meio do nada, restando apenas uma opção: correr. Rick não vai morrer, ele pode, o que seria extremamente corajoso do roteiro matar seu protagonista de repente, mas não acredito nisso. O final do episódio deixa um cliffhanger daqueles, e só resta esperar. 

Considerações Finais

- Enfim, Gleen era um dos "intocáveis". Um daqueles que eu não pensei que fosse morrer, por mais que flertasse com a morte diversas vezes. O estado de negação, de que ele ainda pode estar vivo, só torna toda a sequência de sua morte mais chocante ainda.  Seria o maior dos equívocos se ele tiver sobrevivido, o que está feito, está feito. Gleen infelizmente sofreu as consequências de seus atos. 

- The Walking Dead não pegou leve nem com a mensagem do falecido membro de Alexandria para sua esposa. Esse é apenas um detalhe, mas faz toda a diferença para deixar o episódio ainda mais tenso. Os walkers estiveram implacáveis hoje. 

- Rick também estava implacável. 

The Walking Dead 5594843009485529873

Postar um comentário Comentários Disqus

Página inicial item