loggado
Carregando...

[Review] The Walking Dead 6x04/05 - Here's Not Here/Now

Eles estão sitiados, e agora?


Eles estão sitiados, e agora?

Após três episódios intensos e de ritmo frenético, The Walking Dead pisou no freio nas duas últimas semanas. É possível dizer que voltou ao "normal". Porém, é preciso notar que foram episódios necessários para preparar o que vem pela frente. Enquanto isso, o mistério em torno de Glenn continua e deve ir longe para desespero dos fãs. Essa quebra de ritmo me desanima um pouco, é bem verdade, ainda mais quando Andrew Lincoln afirmou que todos os episódios da temporada pareceriam com uma Season Finale. Exagero, mas ok.

Here's Not Here teve o propósito único e exclusivo de nos mostrar a transformação de Morgan daquele cara insano que vimos na terceira temporada para o atual, mais tranquilo, quase um Jedi. Morgan encontrou alguém que acreditou ser possível resgatá-lo da loucura e dos gritos incessantes de "kill me!". O tal Eastman era um cara legal. Um dos poucos que sobraram no mundo e que morreu salvando seu "pupilo". Porém, Eastman teve sorte de encontrar Morgan na hora certa, e foram aquelas condições específicas que permitiram a ele aprender a "arte da paz". Essas condições não se repetem em Alexandria e esse é o erro de Morgan ao manter aquele wolf vivo. Ao menos ele trancou a porta, mas fica evidente que algo vai dar muito errado nisso tudo. Here's Not Here é mais uma tentativa da série em ser mais profunda do que parece. E é uma tentativa válida, pois Morgan é um bom personagem e me interesso em saber como vai rivalizar com Rick.

Now focou em muita gente, mas primeiro preciso destacar que Rick deveria correr nas olimpíadas ano que vem, porque olha... é quase inacreditável seu fôlego. Cenas assim me fazem pensar que Glenn pode ter dado um jeito de ter escapado - o que ainda acho muito difícil. O episódio focou em relacionamentos. Alexandria caiu na real quanto ao que é o mundo hoje, e isso quase gerou o fim da cidade. A população de lá definitivamente não está pronta para uma situação de emergência. Deanna vem compreendendo a situação aos poucos, e escolheu viver e planejar um futuro. Jessie a acompanha neste pensamento.

O clima de novela aumentou um pouco com os romances já esperados entre Rick e Jessie e Tara e Denise, mas nada se compara ao plot de Maggie e Aaron. Essa gravidez inesperada dá uma forçada no quesito "dramalhão", como poucas vezes na série. Achei engraçado Aaron sair de "me sinto muito culpado" para "olha, se quiser dar meu nome para o seu filho, eu aceito". Mas ok, vou deixar essa incoerência passar só porque no quesito chatice a briga do filho de Jessie com Carl ganha disparada. Rick tem que ter cuidado com esse garoto, é bem capaz de ele querer aprender a atirar para matá-lo.

E Daryl, Sasha e Abraham? Só semana que vem, e espero que eles tragam novidades. Com uma sétima temporada confirmada, sabemos que tem muito The Walking Dead pela frente ainda. Alexandria agora tem centenas de walkers à sua porta, sair facilmente não é mais possível. Na verdade, é questão de tempo até a cidade cair. Acredito que o futuro da série esteja com o que Daryl e os outros vão encontrar pelo caminho.

The Walking Dead 4134712650308304630

Postar um comentário Comentários Disqus

Página inicial item