loggado
Carregando...

[Review] Arrow 4x07 - Brotherhood


Coincidências estranhas, ótimas cenas de ação e diálogos muito bons, esses foram os ingredientes que formaram as meninas superpoderosas esse episódio de Arrow. Avançando um pouco no enredo principal e dando o destaque que Diggle merece, Brotherhood conseguiu cumprir com aquilo que se propôs a fazer.

Eu já tinha falado antes que o John precisava de mais destaque e que a presença do irmão dele seria uma boa forma de fazer isso sem sair da trama central e criar um episódio filler, mas eu nunca imaginei que Andy fosse ser um dos fantasmas do Damien Darhk. Achei essa ideia muito interessante, mas a revelação foi tão forçada que quase tirou o mérito da ideia. Um episódio depois de descobrir a verdade sobre seu irmão, Diggle desmascara um fantasma aleatório e somos surpreendidos com a presença de Andy. Não imagino um jeito de introduzi-lo na série que soasse forçado, mas o modo escolhido com certeza não foi o melhor.

De qualquer forma, foi esse encontro que gerou algumas das melhores coisas desse episódio. Entre elas estão os diálogos entre Laurel e John. Que bom que resolveram dar para a Canário Negro a função de ajudar o Diggle a passar por essa situação, porque não há uma forma mais clara de mostrar a evolução dela depois dos eventos envolvendo a Sara. Outro momento interessante foi o final do episódio, quando Andy é questionado por seu irmão sobre os arquivos que o incriminavam. David Ramsey (John Diggle) raramente tem cenas mais dramáticas, que exigem uma interpretação de mais alto nível, e foi bom ver que o ator consegue passar veracidade nesses momentos. Parabéns para ele.


Mas é impossível comentar este episódio sem falar sobre as cenas de ação. A coreografia de luta e o modo diferente como as cenas de ação foram gravadas deixaram tudo muito dinâmico e intenso, fazia tempo que Arrow não apresentava sequências de luta tão boas assim. E foi bom ver que eles estão experimentando coisas novas para tentar melhorar a série. E quem se destacou nessas cenas foi a Thea, que voltou a sentir sua sede por sangue. Sua sequência de luta contra Andy foi fantástica, e eu espero ver mais momentos assim (para todos os outros heróis da série) nos próximos episódios. A cena entre ela e Damien também foi interessante, especialmente por mostrar que os poderes dele não funcionam bem em alguém que passou pelo Poço de Lázaro. Será esse o segredo para derrotá-lo?

Apesar de tudo isso de bom, a minha parte favorita foram as ações do Oliver neste episódio. Claro que a Felicity precisou ser a voz da razão (como na maior parte da temporada anterior), mas o simples fato de que ele não vai trilhar o mesmo caminho que deu errado no passado, quando tentou derrotar Ra's, já me deixa muito feliz. Enfrentar Darhk tanto como Oliver quanto como Arqueiro Verde é, com certeza, a melhor decisão que ele poderia ter tomado, e estou feliz em ver que os roteiristas também pensaram nisso. Outro ponto interessante é a atenção que está sendo dada à sua campanha. Oliver está levando a sério isso, e é importante que existam momentos o suficiente no episódio para mostrar as duas frentes de batalha do atual candidato a prefeito de Star City.

Brotherhood não foi o melhor episódio da temporada até aqui, mas foi aquele que deixou mais claro o quanto que os roteiristas aprenderam com os erros anteriores. Personagens bem explorados e a escolha de caminhos diferentes daqueles que deram errado no passado são a prova de que a série evoluiu e que a tão criticada terceira temporada não passou de um degrau necessário para o crescimento de Arrow.

Obs. 1: Malcolm deve ser o Ra's mais folgado da história da Liga dos Assassinos, porque parece que ele faz tudo, menos suas obrigações. É até engraçado de tão estranho, mas eu espero que no futuro eles façam com que a Liga, representada pelo pai de Thea, volte a ter importância na série.

Obs. 2: Prometo que quando acontecer algo de interessante nos flashbacks eu comento sobre eles durante a review. Por enquanto eles estão servindo bem como o momento em que você pode sair da frente do computador e ir pegar algo para beber.

Reviews 5921537700170193816

Postar um comentário Comentários Disqus

Página inicial item